Category Archives: A Day in Life

Background Star Wars RPG: Baruque Badar

nagai

Não é de meu físico que você devia ter medo” …

A muito tempo atrás, uma mulher chamada Aloova Badar Keronan apareceu do nada diretamente da tundra do planeta de Cadomai Prime. O que não seria digno de nota nenhuma nesse mundo, a não se pelo simples fato de que Aloova era de uma raça que ninguém conseguia identificar.

Apesar do passado obscuro, sua voz doce e porte diferenciado fizeram com que seu passado não fosse questionado. Ao contrario, ela teve uma carreira politica que cresceu de forma astronômica dentro deste planeta, quase com um dom sobrenatural para a politica, e sempre muito honrada.

Mas, devido a natureza volátil da disputa de poder da época, Aloova também fez inimigos mortais.

Enquanto viajava a trabalho a Bonadan, uma velha nave Volt Cobra abateu a nave de Allova e a matou, levando para o tumulo sua origem.

Seria o final, se seu único filho não tivesse conseguido escapar em uma capsula de emergência. E assim Baruque Badar acabou chegando em Bonadan, completamente sozinho e sem saber direito o que tinha acontecido, apenas com a vaga lembrança de sua mãe que ele levou para a sua vida.

Crescendo em um planeta sem mãe, as ruas foram sua casa. Durante muito tempo ele “trabalhou” aplicando pequenos golpes no império e como negociador da mafia e contra a mafia local, e era muito bem sucedido. Baruque Badar herdou a habilidade de tratar com as pessoas, um dom que veio diretamente da sua mãe que ele lembra vagamente e com muito esforço.

Um dia Baruque Badar foi chamado para negociar peças de ferro velho que foram encontradas em uma velha nave Volt Cobra que estava congelada em um lago do planeta. Tudo ia perfeitamente bem, mas durante o reativamente de um androide, ocorreu um pequeno problema. O androide chamado de TPK-0006 o reconheceu instantaneamente como um alvo, e entrou em modo de extermínio, marcando Baruque Badar como alvo. Por muito pouco ele conseguiu sair vivo de lá, mas o mesmo não pode ser dito de todos que estavam no ponto de extração ilegal de ferro velho do lago, que além da chacina ainda foi explodido pelo androide TPK-0006.

TPK-0006

TKP-0006

Com a falsa sensação de segurança, Baruque voltou para a cidade. Só que, o terceiro maior problema foi que depois as autoridades encontraram uma cena de crime com vários mortos e explodida, e pior ainda, com Baruque Badar como principal suspeito. Mas, as autoridades são um incomodo, mas não são preocupantes.

O segundo maior problema era que o submundo da cidade também começou a pensar que foi culpa de Baruque a explosão, o que quer dizer que ele fez eles perderem dinheiro.

Mas, além de tudo isso, o que é realmente o primeiro maior problema, é que tem um androide que esta ativamente programado para procurar e tentar eliminar ele. Algo que realmente aconteceu nos dias que se seguiram, porque demostrando uma sistemática e planejamento quase perfeitos, o androide encontrou e o atacou de novo. Apenas por sorte mais uma vez ele conseguiu escapar, já que Baruque imaginava que o androide tinha sido destruído e/ou não estava mais atrás dele.

Depois do terceiro ataque, Baruque resolveu que já era hora de se mudar, que aquele planeta não era mais tão interessante assim.

Rapidamente ele encontrou um grupo que estava querendo encontrar uma nave para comprar em Bonadan, e propôs entrar com uma parte do dinheiro e ficar como membro da equipe da nave. Só que como Baruque não tinha nenhum dinheiro, ele negociou a parte dele como um desconto na compra da nave juntamente com o vendedor.

Dia de partir, eles deixam o planeta ao som de fogos. Quer dizer, ao som de tiros, por causa de mais um ataque de TPK-0006. Mas dessa vez Baruque estava com seus novos companheiros e em sua segura nova nave, o que rendeu uma boa distancia daquele androide por muito tempo…

Advertisements

Música de Cthulhu

Recentemente descobri essa banda que tem esse clipe baseado na historia do H.P. Lovecraft:

A musica é legal, e o clipe também. É um mini curta/clip baseado na Sombra sobre Innsmouth, um dos livros do senhor fazerdor de amor.

Já que estou aqui, aproveito para indicar dois filmes:

Dagoon

Esse filme é uma produção espanhola-americana, se eu não me engano. Ele junta vários elementos do universo do Lovecraft, mas principalmente de duas fontes: A sombra sobre Innsmouth e Dagon.

O filme é meio de terror e meio com pouco orçamento, mas muito bem feito. Tem partes de bastante gore e violência, mas tudo aplicado na medida certa, não é desnecessário e constante, apenas bem distribuído no filme.

The Whisperer in Darkness

Outro filme meio “alternativo“. Feito todo em preto e branco, ele lembra muito o cinema fantástico e fantasioso dos anos 40, com a ciência fantástica e monstros desses filmes.

A proposta do filme é bem interessante, e ele é bem desenvolvido. É bem um filme de ficção cientifica, quem gosta do gênero na forma mais clássica deve gostar desse filme.

Incrível ver que alguns filmes baseados na obra do Lovecraft foram feitos em preto e branco.


Como fazer um arco de PVC com roldanas

Por algum motivo, eu entrei em uma neura de saber como fazer alguns itens usando materiais disponíveis produzidos apenas por minha pessoa.

Seja para quando for abandonado em uma ilha sem nada, ou no caso de um colapso geral tecnológico e social gerado por zumbis ou pulsos eletromagnéticos, coisas feitas apenas com as minhas próprias mãos.

Como arcos são legais, e são a melhor arma que alguém pode fazer de forma “solitária”, eu acabei descobrindo como fazer arcos, e um dos modelos mais legais e possíveis de se fazer(em casa, não em um cenário apocalíptico…) atualmente são os de PVC.

Esses dois links abaixo mostram um cara fazendo arcos de PVC com roldanas(arcos com roldanas são melhores, PVC mais fácil de encontrar e manipular). Esses arcos que ele faz são mais práticos de fazer da forma como ele construiu:

Dando um visual melhor

Não entro muito no aspecto se o formato do arco nos primeiros vídeos é melhor por questões de atirar a flecha. Ele é pratico e muito resistente, mas como você se lembram, ele é muito feio.

Como o fator “visual” é importante(vão chamar você de “Arqueiro Super Mario Bros” com um arco daquele), tem algumas melhorias que você pode tentar fazer para melhorar o formato do arco. Essas mudanças podem ser vistas nesse vídeo:

Ele “molda” o PVC com uma “Heat Gun” para ficar no formato mais “bonito”. Não sei como fica a parte da estrutura do arco, mas acho que esse ultimo parece ser mais frágil, mas pode melhorar para colocar mais força na flecha(apesar de que as roldanas já devem fazer bem esse serviço no projeto do primeiro vídeo).

Como usar o arco

Mais uma coisa legal que eu achei foi um vídeo de como usar um arco.

Nesse vídeo tem algumas dicas, não todas claro, mas gostei dele porque o vídeo foi um pouco mais trabalhado. Assistam ai:


Awesome Mix Vol. 2


Awesome Mix Vol. 1


O caso do lavabit, e porque não se deve confiar na liberdade nos EUA

http://lavabit.com/

Certo, vi isso hoje, mas acessem o link acima para entender toda a historia melhor, mas seque um resumo.

Existia uma companhia chamada lavabit que era dos EUA e tinha como proposta armazenar de forma segura dados de clientes.

O governo processou a companhia de uma forma que o dono ficasse totalmente sem defesa, deixando apenas duas alternativas: ou ele encerrava as operações ou ele entregava o acesso a todos os dados dos seus clientes, mesmo sem ser preciso ou encorajado pela lei.

Como ele era uma empresa seria, ele resolveu fechar as portas. E apesar de não poder fazer outra coisa e ter sua esperança na liberdade dos EUA abalado, ele ainda juntou paciência dele e fez o relato acima do link. Muito interessante de acompanhar.

Continue reading


Daft Punk – Discovery (Interstella 5555)

Como todos sabem, eu gosto muito de Daft Punk. Creio que é uma das bandas que eu gosto que realmente merecem, por vários motivos que eu não quero entrar agora, assim como eu acho Bohemian Rhapsody, uma das mais bem feitas musicas de todos os tempos.

Indo ao ponto, o vídeo acima é o famoso “Interstella 5555: The Story of The Secret Star System”, opera rock feita pelo Daft Punk em formato de animação. O disco em si já é fantástico, mas juntando a animação, fica a coisa mais sensacional de todos os tempos.

Como gosto muito, e achei ele no youtube, resolvi postar aqui. Quem não conhece, é uma boa ir atrás.


Apresentação SIASE

Apresentei um mini-curso no SIASE(não sei o link do site…), e minha apresentação foi essa aqui.

Estou postando porque disse que ia colocar o link da apresentação no meu blog, e para falar um pouco sobre a minha impressão.

Bom, o evento pecou um pouco em organização, mas as palestras foram interessantes e as ideias boas. Realmente esse tipo de evento é o que precisa ser feito periodicamente.

Com relação a cidade, Santana(que coincidentemente é a cidade onde meu pai nasceu), tive uma boa impressão. Como em 2 lugares excelentes, um chamado capim verde e o outro Xonkantes, algo assim, que realmente foram muito bons.

A hospedagem que ficamos foi muito boa também, ótima vista, bem localizada, e com um bom preço. O quarto tinha ar-condicionado também, que devido ao calor da cidade era bem necessário…

Também fui na casa de um parente de uma amiga, e tenho a dizer que o povo de lá é legal.

Ou seja, foi uma boa viagem, um bom mini-curso, pena que não consegui descansar o tempo necessário lá, porque não fui a passeio também né? 😉


Documentario: Os miseráveis

Bem, essa é uma de minhas obras favoritas. Gosto da historia e do que ela passa, comecei assistindo o filme com o Liam Neeson, que é um de meus atores favoritos, e acabei lendo o livro e outras ramificações dessa obra.

Realmente, eu recomendo a quem puder ver, e vejam o documentário para entender um pouco mais sobre o filme, para que ele se torne melhor ainda para quem gostar dele também.



%d bloggers like this: